Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 30 de maio de 2012

TRAZ, TRÁS e ATRÁS


Esta coluna traz a você mais uma dica. Não deixe para trás o que você pode aproveitar agora. E "siga em frente que atrás vem gente".
Observe o uso dos termos: TRAZ, TRÁS E ATRÁS. Ao ler o
parágrafo acima, você sabe diferenciar o uso de cada um?
Se não se lembra ou tem dúvidas, eis as questões:
  • TRAZ

    Conjugação do verbo trazer (que também é escrito com zê)
    no presente para a terceira pessoa do singular.
    Exemplos:

    Ele traz as crianças todos os dias a esse parque.

    Ela traz o carro para você.

    Com a chuva, a enchente traz doenças para a população.
  • TRÁS

    Advérbio de lugar. Há sempre uma preposição antes dele.
    Exemplos:

    Não deixe nada para trás.

    Ela chegou por trás da casa.

    Passe por trás da árvore.
  • ATRÁS
    Advérbio de lugar. Não há preposição antes, pois esse advérbio já a tem.
    Exemplos:

    Não fique atrás de mim.

    Deixe tudo atrás da porta.

    Ele estacionou atrás do seu carro.
Observação:
Há também o advérbio DETRÁS que significa na parte posterior, depois.
Exemplos:

Detrás daquela casa há um maravilhoso riacho.

"Detrás daquele morro passa boi, passa boiada".

-> Fonte <-

Nenhum comentário:

Postar um comentário